Dependência Emocional

Entenda, conheça os sintomas

Entende-se como codependência ou dependência emocional a falta de habilidade em manter e alimentar relacionamentos saudáveis com os outros e consigo mesmo, resultando em relações difíceis, desgastantes ou destrutivas.

Na codependência ou dependência emocional é possível perceber a presença marcante de baixa autoestima, falta de bons diálogos, discussão direta dos problemas, falta de expressão aberta dos sentimentos/pensamentos e expectativas irreais. É comum ocorrer preocupação e cuidado em excesso com o outro, gerando negação da realidade e alta irritabilidade dentro do relacionamento.

Familiares e/ou pessoas muito próximas e com algum tipo de ligação com o dependente químico, apresentam uma dependência, não das drogas, mas emocional, justamente por causa do vínculo doentio que existe com esses dependentes.

É comum observarmos no estado de codependência a família se tornar refém de sentimentos opressores, tais como: tristeza, impotência, dor, angústia, raiva, desespero, culpa, pena, decepção, solidão e medo.

Todo esse estado de codependência normalmente vem de famílias de origem disfuncionais, que demonstram uma fragilidade emocional significativa, levando a padrões autodestrutivos de viver. Além de existir a resistência do dependente químico em aceitar o tratamento, infelizmente o comportamento/atitude da família também se torna uma dificuldade.

A codependência é um problema sério, afetando diretamente a própria de vida e de outras pessoas, mas pode ser resolvido com apoio psicológico. O importante é começar a dar os primeiros passos para uma maturidade emocional, cuidando de si mesmo com base no amor e no respeito.